Look Essencial… Penas, penas e mais penas!!!

As penas foram os primeiros ornamentos… Desde que o homem entendeu que poderia se ornamentar para se diferenciar, as penas passaram a ser usadas, de várias formas, e em várias partes do corpo. Arqueólogos descobriram que os neandertais já usavam as penas como adornos há cerca de 44 mil anos atrás !! Os índios usam as penas como adornos e diferenciação social, e cada cor tem uma simbologia… Quanto mais coloridas e maiores, mais eles ” tão podendo” … rsrsrsrs Dessa forma, podemos afirmar que as penas, ( além das conchas) são as jóias mais antigas da história ! Muito antes da galera se enfeitar com ouro e prata ou descobrir a beleza da pedra, as penas já faziam o maior sucesso !! De várias cores, tamanhos e texturas, as penas possibilitam efeitos incríveis. Cada vez mais, o mundo da moda se rende a esse material tão nobre, frágil e irresistivelmente perfeito. Uma coleção de moda mundial fundiu a inspiração da cultura oriental da Ásia e África para formar um visual moderno étnico que podem ser combinados com peças modernas e exóticas adaptadas penas. Essa coleção foi de fundamental importância , pois é o reconhecimento de que a tendência é um gesto de aceitação da diversidade.

Influências étnicas e tribais do norte da Índia, Quênia e Birmânia. Luxo total!

Photographer Ng Sok Eng
Art Director Frederick Lee
Fashion Assistant Joe Rahim
Make up Christine Yong
Clothes & Accessories Frederick Lee
Location Singapore
Model Elena B & Dayana D

Nos chapéus, as penas já são matéria prima comum. Na idade média, as penas eram símbolo de status social.

O uso de penas ou de aves mortas ornavam os chapéus em aigrettes. Aos profissionais da arte de arranjos com penas chamou-se plumassiers. O arranjos de plumas usados, ( les aigrettes ) definiam claramente o status social, sinal de estabilidade econômica e financeira. Quanto mais raras eram as penas, mas caros custavam os arranjos. Pagava-se verdadeiras fortunas por um arranjo de penas de aves exóticas.

Curiosidade

Constantemente os chapeleiros por usarem um tipo de química venenosa ( base de mercúrio ) para tratar e preservar o brilho das plumas de aves usadas pelas senhoras da corte da era eduardiana eram contaminados por metais pesados que lhes atacavam o sistema nervoso central. A toxicidade deste produto químico era tanta que muitos artesãos apresentavam sintomas de graves danos ao sistema nervoso central, como a síndrome de Dança de São Vitor , caracterizada por contínuos movimentos involuntários dos músculos da face e das extremidades, chegando a convulsões. Daí o uso da expressão “louco como um chapeleiro” ( mad as a hatter ).

Fonte: http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/mulher-chapeu-na-moda/chapeu-na-moda-4.php#ixzz1zhtwFmQ6

Hoje em dia, o comércio de penas na industria é diferente, e existe um cuidado para que não se use produtos tóxicos.

Os tingimentos são com produtos que não causam alergia ou naturais.

Os acessórios com penas da AR Essencial são feitos com penas de épocas de muda de pássaros. Todo pássaro, solta penas, e uma vez por ano (não sei informar exatamente quando =P) eles trocam as penas. As penas soltam e nascem outras. É muita pena!!

Dessa forma, fazemos pequenas parcerias com cuidadores autorizados pelo Ibama ( pessoas que cuidam de animais que foram resgatados de criadores ou traficantes de animais) e zoos , e assim conseguimos fazer nossos acessórios sem agredir nenhuma ave . Nenhuma pena é arrancada de ninguém =)

Brincos longos da AR Essencial , com  penas de diversas cores e detalhes de pedras como turquesas, quartzos rutilados e cristais…

Abaixo, acessório de cabelo com penas super coloridas, causam um efeito mágico…
Acima, brinco com semente de Jacarandá pintado de dourado ilumina o rosto !!
Acessórios : AR Essencial

Capim Dourado e penas de diversas cores… leveza e volume.
Brinco AR Essencial…

Você encontra os acessórios AR ESSENCIAL aqui !

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s